Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for the ‘unhas’ Category

Sim, eu sei que vocês obviamente já ouviram falar dessa coleção…e possivelmente também já ouviram que ela infelizmente muito possivelmente não virá ao Brasil devido a algum problema relacionado às embalagens desenhadas e sei-lá-mais-o-quê, mas não resisti quando vi essas imagens lindas no Temptalia, tive que vir mostrar pra vocês porque mesmo que essas belezinhas não venham pra cá, temos que admitir que só as embalagens já dão vontade de comprar tudo, só pra ter os vilões mais malvadões da Disney na sua coleção de makes =P.

A coleção é composta por uma série de produtos, dividida entre quatro vilões: Cruella DeVil (101 dálmatas), Evil Queen (ou a Madrasta, da Branca de Neve), Maleficent (Malévola, da Bela Adormecida) e Dr. Facilier ( A princesa e o sapo). Os produtos lançados na coleção são, em grande parte LE, ou seja, Limited Edition mas, como já é de praxe na MAC, alguns são produtos permanentes apenas nas embalagens promocionais (a sombra carbon, queridinha de muitos, é uma das que estarão disponíveis nessa coleção).

Vem comigo saber mais dessa coleção e ver imagens pra passar vontade e ter que pedir pras amigas viajantes trazerem de presentinho, ;D.

(mais…)

Anúncios

Read Full Post »

*O post de hoje não tem fotos ou vídeos meus, mas meus conselhos preferidos das blogueiras por aí.

Oi meus lindos e lindas, como vão vocês? Hoje vamos falar de uma coisa que me perguntam muito: como fazer unhas em casa sem destruir sua residência ou suas patinhas.

Ok, pode parecer exagero, mas a maior desculpa que escuto das cocotas para não fazer as unhas em casa é a sujeira. E pode ser tanto nas unhas (que não ficam o mais limpinhas possível) quanto na própria casa (devido às melecas de esmalte na mesa ou no edredom). Como eu faço minha manicure sozinha desde os doze anos, peguei muita prática. E com essa idade eu não ligava muito se a coisa saia meio feia, né? Então, tudo que eu posso dizer é: pratica, pratica, pratica e mais um pouco de prática!

Com a prática você terá unhas perfeitas como essas, da Michelle (Lacquerized). Sim, vai com fé que dá certo.

A Michelle, do Lacquerized, tem gerado uma polêmica nas rodas de conversas esmaltólatras. Tudo isso porque ela não usa palito na hora da manicure, diz que pincela sem fazer sujeira e tira os mínimos excessos com um pincel. Impossível? Não, ela fez um tutorial do assunto: A pena é que ela não gravou o processo em vídeo.

Tutorial da Michelle (Lacquerized). É só clicar pra ampliar!

Eu ainda não tenho toda a habilidade da Michelle, mas tenho meus truques. Há um tempo atrás procurei um tutorial no YouTube que mostrasse todo o processo do jeito que nós, brasileiras, costumamos fazer. Deixa eu mostrar ele pra vocês:

Enfim, o maior segredo é fazer isso em uma superfície lisa pra começar (mesa da cozinha evita reclamações sobre o cheiro de acetona pela casa). Se bater insegurança e você achar que pode fazer meleca, compre uma toalinha só para forrar a mesa.

Pras iniciantes está vetado fazer todo o processo enquanto conversa com o gatinho ou assiste o último episódio de Gossip Girl: C O N C E N T R A Ç Ã O é palavra chave, gatas.

Você pode tentar rolar o palitinho pra limpeza. Se não se adaptar, no problem, baby: a forma certa é aquela que dá certo pra você. Eu mesma, para tirar cantinhos, só uso o boleador da Avon que era vendido como pincel para desenhar na unha. E se a unha estragar, #comofas? Meu amor, tirar e fazer de novo é a melhor forma de garantir perfeição e prática.

Nesse link a Dani, do Unha Bonita, ensina até a passar esmalte branco sem manchar. Com dicas assim fazer as unhas é fácil…

Se tudo isso ainda não te incentivou, pense na grana: quanto você gasta na manicure por mês? Quantos esmaltes baphônicos poderia comprar?

É claro que cutícula é coisa séria, por isso, se você não consegue tirar sozinha, é melhor fazer na manicure de confiança no mínimo de quinze em quinze dias, antes das suas cutículas virarem cogumelos gigantes. Aliás, antes de recebermos emails chateados por aconselharmos fazer unhas em casa, não digo que a profissional da manicure seja dispensável: eu mesma faço as unhas das mãos e pés em manicure pelo menos de dois em dois meses.

Isso porque a cutícula PRECISA DE CUIDADOS, gente, não dá pra brincar. Tirar direitinho e com cautela evita infecções. Para desacelerar o crescimento das meninas, utilizo o mira-cuticle da Avon. Antes só empurrava, mas a companheira Bel me passou a dica que tem realmente funcionado.

Vamos combinar então: essa semana, quero ver fotos de unhas que vocês tenham feito em casa, ok?

Beijocas e até a próxima.

Debs!

Read Full Post »

Olá, flores do campo, como vão vocês?

Todo mundo sabe que há anos o Reinaldo Lourenço mantém uma parceria feliz com a Risqué que nos rende uma coleção de esmaltes toda SPFW. Normalmente, as mocinhas já ficam ouriçadas para saber quais serão as cores, mas dessa vez o marketing foi certeiro: vimos os vidrinhos mas tivemos que aguardar a revelação dos nomes. Finalmente a Risqué revelou as alcunhas dos esmaltes pelos quais nos mataremos em setembro:

Apresento-lhes: Meia Calça, Cigarrete, Vanguarda, Twiggy, Pop,Tubinho, Coque, Cintura Baixa.

Apresento-lhes: Meia Calça, Cigarrete, Vanguarda, Twiggy, Pop,Tubinho, Coque, Cintura Baixa.

Como ainda não podemos adquirir essas belezinhas e não tá fácil achar swatches, resta sonhar e apelar para os irmãos deles perdidos por aí. Eu já fiquei bem louca procurando o que eu poderia usar dentro da minha incrível maleta gigante e escrevi um guiazinho do que descobri pra vocês. Então segura minha mão e acompanha o Guia Secrets of Beauty de genéricos do Reinaldão:

(mais…)

Read Full Post »

Hoje é dia de unhas no Secrets! =D

Esse post não tá na categoria Esmalte do Momento porque faz um teeeempo que usei ele! Mas depois desse post aqui da querida Debs sobre misturinhas, resolvi mostrar pra vocês as minhas brincadeiras de alquimista.

Eu sempre quis um lilás pastel fofo. Tenho o lavanda, da Colorama Nutri & Verniz, mas é ralo demais! Pode por 5 camadas que ainda fica transparente =( Então meu objetivo era chegar na mesma cor, só que cremoso.

E lá fui brincar. Usei o Polar, da Big, como base (branco-francesinha) e pinguei um pouco do Lira, também da Big (tipo um renda) pra não ficar corretivo demais. A partir daí, minha filha, fui pingando o Diamante Roxo da Risqué e misturando bem até ficar no tom que eu queria: um esmalte lilás perfeito!

Mas nem tudo sai como a gente quer… Resolvi, do alto da minha (não) sabedoria esmaltística, querer que o esmalte tivesse brilhinhos. Pois então, pinguei um glitter furta-cor da Impala, e um big fail. Os brilhinhos do glitter foram cobertos pelo pigmento do esmalte, e ele ficou só com uma textura meio granulada. A sorte foi que eu coloquei mega-pouquinho, senão tinha que jogar tudo fora.

Acho que se olhar de pertinho dá pra ver as pedrinhas de gliter...

Lendo o post da Debs aprendi que, se eu queria com brilhos, devia ter colocado um branquinho cintilante como base (é isso, né, Debs?). Mas, como é misturinha, nada me impede de mexer nela mais um pouquinho…

Ah, e não esqueçam de participar da promo do kit Outspoken by Fergie, ok?

Read Full Post »

Oi, meus xuxus! Como vão vocês?

O post de hoje é pra dividir as imagens de um presente muito legal que eu ganhei da @karinepi (brigada, flor de lis!) hoje: esmaltes Eyeko!!!

Acreditem vocês ou não, apesar de eu possuir uma coleção com 180 vidrinhos cheios de felicidade, ainda não tinha nenhum importado pra chamar de meu. Isso porque sempre me faltou a coragem de me agarrar ao cartão de crédito e pedir caixas de vernizes. Com tanta opção nacional bafônica, importar era como admitir a doença do esmalte pra mim.

Ai veio a lindona da @karinepi e me deu de presente os Eyeko. Olha, gente, não sei se vou conseguir me recuperar algum dia da vontade que tô de pedir a Eyeko inteira. Já tenho a linha de make quase completa em casa e amo cada uma dessas fofuras…e os esmaltes (que são minha maior paixão na vida) não ficam atrás! É tudo tão bom que vou dividir a análise em tópicos:

Cores

Ao contrário do que eu pensava, essas cores podem até ter alternativas nacionais, mas nunca vi nenhum irmão de pai e mãe nas prateleiras por aí. É CLARO que a gente sempre encontra uns primos, mas as mais observadoras percebem as diferenças de tom e acabamento.

– Cobertura

Gente, que que é essa pigmentação? Eu quero usar Eyeko pra sempre! A cobertura fica perfeita com duas camadas! Apaixonei, quero casar e ter filhos com esses esmaltes!!!

– Secagem

Demora básica, sabe como é? Eu não passei nada que pudesse acelerar a secagem por cima (pra poder ter uma idéia fiel) e minha unha ainda está pegajosa uns bons 15 minutos depois. Não é que não esteja seco, mas é aquela textura amassável, sabem?

Acho que isso é devido a viscosidade maior. Nós sabemos que os importados tem fórmula diferente dos nacionais porque na gringa os esmaltes não podem ter componentes que causem alergia. Por isso, se joguem nos top coats e sprays de secagem rápida.

– Aplicação e limpeza

Fácil, extremamente fácil. Achei um dos esmaltes mais tranqüilos de trabalhar que existem, porque é super fininho, puro amor! Me lembra a facilidade que sinto ao trabalhar com Colorama.

A coleção da Eyeko que mora na minha caixinha de manicure agora é essa aqui e chama-se Cult Classics. Vocês podem pedir por 25 doletas e ainda ganham um brinde cheio de loosho nos pedidos acima de dois produtos feitos com código de embaixadora. Eu amo a Eyeko e sou muito suspeita pra falar sobre eles, então, se me perguntarem sobre qualquer produto só digo COMPREM! Eles nunca me decepcionaram. E isso porque sou deveras resistente em levar pra casa produtos importados, só faço isso quando não tem versão nacional mesmo.

Quanto aos Cult Classics, eu já escolhi meu preferido que é o Vintage Polish. Mas o namorado achou que esse Indigo Polish é a cara da sedução e, como eu ando muito pastel ultimamente, cedi ao pedido dele.

E vocês, qual gostaram mais? Alguma felizarda proprietária de vidrinhos da Eyeko quer dividir a experiência? Comentem, meus amores, adoro ler as opniões de vocês!

Pra finalizar, mais uma fotinho de todas as cores, com a participação especial da Dominique, =P

Um beijo e até a próxima,

Debs!

Read Full Post »

Ooi gente, tudo bom? Todo mundo participando da promo dos kits da Fergie já? Eu queria muito poder participar também, tá imperdível, né? Mas pois bem, vamos ao que interessa…o post de hoje é para falar de uma experiência muito boa que eu tive ultimamente, comprando 2 batons da MAC com a fofíssima Mi Vargas do Crème à la crème , o Viva Glam Gaga (que eu não encontrei quando fui aos EUA, =X) e o Saint Germain (que eu deixei de comprar por bobeira) e também pra mostrar as mais novas cores de esmalte da minha coleção, adquiridas hoje =P. Mas pois bem, a Mi mora no Canadá e através do Crème à la crème vende produtinhos a preços muito justos e ainda por cima manda mimos junto, uma fofura só! Paguei R$45 em cada batom, mais R$20 de frete, pagos através do paypal, muito tranquilamente. Demorou coisa de 3 semanas pra chegar, um prazo super aceitável, ainda mais em tempos de copa e correios preguiçosos no Brasil. Mas vamos às fotos! Tirei foto do pacotinho, mas minha máquina horrível resolveu dar sumiço nela >< Começamos mostrando os mimos mandados pela Mi junto com a minha comprinha, ^^

Uma lixa muito fofa (e muito boa, diga-se de passagem) com golfinhos, ^^ Um sachê de um creme para as mãos da cucina, uma delícia, vem um montão, encheu um potinho pequeno e já mora na minha bolsa, e aquele potinho todo gracinha ali da the body shop é uma amostrinha da manteiga de côco mais cheirosa do universo, hidrata horrores! viciei, e agora, acho que vou ter que pedir pra Mi me mandar um grande =P

Vejam o capricho, os batons vieram bonitinhos, dentro da sacolinha da MAC e, uma coisa que eu achei muito bacana, a notinha de compra da loja, com o preço pago e tudo mais. Admirei muito o capricho e a preocupação, ^^

Lindos os meus bebês, né? Por enquanto ainda não tenho swatches pra mostrar, porque as minhas habilidades fotográficas não me permitiram conseguir fotos utilizáveis, mas assim que conseguir, prometo que corro aqui pra mostrar, tá? ^^ De maneira geral, só tenho a agradecer à Mi que foi uma fofa, desde a atenção nos e-mails até os mimos mandados junto, com certeza pretendo comprar novamente com ela, e recomendo demais pra todo mundo que quiser batons MAC pra chamar de seus (além disso, lá no site tem uma porção de outros produtinhos irresistíveis, só preciso ter mais $ =P hehe)

Agora, mostrando rapidinho o meu surto de consumismo do dia, =P Adquiri novos esmaltes pra coleção, além de uma lixinha pros pés (os meus estão descascando de maneira triste ><) e creminhos da dote tanto para os pés quanto para as mãos. Ah sim, sem esquecer, o batom fronzen da koloss, que ficou de fora das fotinhos, mas ganhou lugar no coração, pq ficou um cor de boca rosadinho lindo em mim, amei (L). Na falta das minhas fotos, minha partner linda já falou e fez swatches do fronzen aqui e aqui. Maaas, vamos às fotos!

E agora, só os esmaltes, na seguinte ordem, da esquerda para a direita: Cerize-lumi (Ludurana), Leve (Ludurana), 214 (Hits), 219 (Hits), Roxo (Ludurana), Decana (Ludurana), Magenta (Impala Matte), Leme (Impala) e Zazá (Ludurana). Os Luduranas foram comprados na Casa Costa da Sete de Setembro, a R$ 1,45 cada um, os restantes incluindo os cremes e a lixa, na Brilhantina perto do Shopping Água Verde.

Ah, lembram que eu tinha falado de um pincel da Macrilan que comprei na Brilhantina? Então, super aprovei, é uma delícia, mega macio, ótimo pra passar pó e matificante, e agora lá na Brilhantina perto do Água Verde tem kits de pincéis dessa mesma marca, não tirei fotos porque estava sem câmera, mas tem um pequeno que custa coisa de R$23 e o maiorzinho que sai por R$35. Senti as cerdas e achei bem macias, muito dygnas pelo preço, ótima pedida pras amigas procurando pincéis BBB, ^^.

Então kids, por hoje é só!

beeijos,

Read Full Post »

Olá!

Eu sou a Debs e vocês podem me encontrar no Twitter como @manga_eyes. Já aqui no Secrets, as meninas me chamaram para falar sobre esmaltes… e o primeiro post é sobre misturinhas!

As misturinhas são um parto para algumas pessoas, mas não têm segredo nenhum. O que você tem que lembrar é de quando brincava de massinha na infância: às vezes você queria uma cor nova, misturava tudo na afobação e perdia a massinha toda, lembra?

Com esmaltes também é assim: o esquema é fazer tudo com muita paciência, pra não perder todo o vidrinho. Por isso, galera, é legal ter uma boa idéia do que você quer da sua nova cor antes de começar.

Pra exemplificar, eu fiz umas misturinhas lindonas, indicadas pelo Unha Bonita: transformar os manjadinhos Matte Fluors da Impala em pasteis de fundo néon, do jeito que a gente anda bem louca pra usar ultimamente.

Uma coisa que funciona muito bem é manter esmaltes básicos pra auxiliar, como Branco Pétala, Batida de Coco, Branco Puríssimo, Renda ou Paris. Aí os outros esmaltes funcionam para adicionar cor nessa base. Para escurecer de novo, equilibre com gotinhas de algum preto bem forte ou cinzas como o Arábia.

Eu, particularmente, gosto de manter a coleção Rendas do Brasil da Risqué pra usar em misturinhas. Isso porque essa coleção tem brancos com várias texturas e brilhinhos, podendo servir perfeitamente pra arrematar o acabamento que meu esmalte novo terá.

Um exemplo bacana nessas misturas que eu fiz é o do Shock Pastel (vamos chamá-los assim, hihihi?). Como achei que ele ficou muito próximo do Selene da B.U., pra dar uma diferenciada, eu usei como base o antigo (não sei se fabrica mais) Quartzo Rosa da Colorama, que tem uns brilhinhos bem discretos. O resultado é uma textura totalmente diferente e girlie! Isso é pra gente ver que receita de misturinha nem sempre sai do jeito que a gente quer, mas não é pecado dar um toque particular especial.

A Dani do Unha Bonita inventou um jeito bem fácil de ensinar a medida: contando em segundos enquanto o esmalte despeja. Alguns blogs ensinam as misturas por partes (1/3 disso, 1/3 daquilo) então é legal fazer tudo num vidro bem limpo, o que você pode conseguir com acetona. Na hora de misturar, não tenha medo de usar o palitinho de laranjeira pra “bater a massa”.

Então tome nota das dicas pra sua misturinha não dar errado:

–     Tenha sempre esmaltes básicos para misturinha: Brancos leitosos, Pretos bem escuros e Brancos translúcidos do tipo Renda (o tradicional), são básicos para chegar aos tons que você quer.

–     Foque em qual acabamento você quer na sua misturinha: leitoso, cintilante, com brilhinhos, translúcido…o esmalte de base branca que você usar é que vai ditar esse acabamento.

–     Caso a cor que você queira seja escura, não exagere no volume do branco de base, ou você nunca vai chegar no tom. Às vezes é melhor usar como base um acinzentado ou uma cor mais próxima da que você quer mesmo.

–     Tenha um palitinho de laranjeira limpo para ajudar: quando você despeja os dois esmaltes, eles não vão se misturar como água. Mexa com o palitinho, feche e chacoalhe bem.

–     Limpe com cuidado o vidro que vai receber a nova cor, com acetona.

–     Não exagere se precisar pingar óleo de banana, ou a mistura fica aguada!

De resto, só fica uma dica: a cobertura e o acabamento nunca ficam perfeitos, principalmente se você usa esmaltes de marcas diferentes. Não exija tanto de si mesma: se até a Impala, Big Universo e La Pogee, que tem fábricas enormes, vivem errando a mão e lançando esmaltes difíceis de trabalhar, num é a gente brincando de química em casa que não pode errar isso. Qualquer coisa é só tacar um roxinho da Avon, Cobertura Transformadora da Colorama ou um Matte Plus da Big que o acabamento se torna perfeito.

O orgulho é ver sua criação em suas mãozinhas depois, enquanto todo mundo te pergunta “Onde você comprou essa cor incrível?”. Sintam-se a vontade para responder que “Essa é EX-CLU-SI-VA”, haha.

Que tal vocês aproveitarem as dicas e fazerem misturinhas em casa? Fotografem tudo e mandem pra gente ver!

Beijão e até a próxima

Debs

Read Full Post »

Older Posts »